Arquivos da Categoria: Estudos

VONTADE DE DEUS: O QUE É E COMO ENTENDE – LÁ EM 4 PASSOS

COMO DESCOBRIR A VONTADE DE DEUS PARA MINHA VIDA

Você se pergunta constantemente: qual é a vontade de Deus para a minha vida?

E depois disso, fica agoniado por não saber o que fazer para descobrir esse tal desejo Divino.

Para deixar tudo ainda mais confuso, você, provavelmente, já ouviu falar sobre a vontade permissiva e a vontade perfeita de Deus, certo?

Porque Perdoar_

Não há nada mais desesperador na vida de um Cristão do que não saber a vontade de Deus para sua vida.

Afinal, a maioria de nós foi ensinada a ter medo de errar o alvo e acabar desobedecendo ao Senhor.

AFINAL, COMO DESCOBRIR A VONTADE DE DEUS PARA MINHA VIDA?

Chega de agonia!

Aqui você vai APRENDER como DESCOBRIR a VONTADE DE DEUS PARA SUA VIDA!

Em apenas 4 passos (muito simples), vamos descobrir como avaliar se determinada coisa é ou não da Vontade de Deus para você.

1 – SABER COM VOCÊ É EM DEUS

Para saber qual é a vontade de Deus para sua vida, é preciso primeiro entender e, principalmente, internalizar (colocar no seu interior) quem você é em Deus. Segundo a bíblia, nós somos:

FILHOS (Rm 8.16HB 12.7)

AMADOS (Rm 9.25Is 54.10 NTLH)

ESCOLHIDOS (Is 48.10Rm 8.33)

HERDEIROS (Rm 8.17Tt 3.7)

SUA CRIAÇÃO (Gn 1.26Gn 2.7)

Tendo isso em mente, fica mais fácil perceber que Deus quer revelar a sua Vontade e, diferentemente do que muitos acreditam, Ele não está lá no Céu esperando ansioso que você O desobedeça para poder te castigar.

Ao contrário disso, Ele está sempre se comunicando conosco para mostrar quais são seus planos para nossas vidas.

2 – IDENTIFICAR QUAIS SÃO AS FORMAS DE COMUNICAÇÃO QUE DEUS USA COM VOCÊ

Eu defendo que Deus fala de forma exclusiva e personalizada com cada um de nós. É claro que a bíblia é o nosso ponto de referência, nosso Norte. Mas, é durante a leitura dEla que vamos nos familiarizando com a voz de Deus.

Exemplo:

Você está no meio de 100 pessoas, e dentre elas, está sua mãe. Ela grita seu nome. Você reconhece? Claro que sim!

Mas, por quê?

Porque a voz é familiar aos seus ouvidos. Você convive com ela e conhece a forma que ela se expressa.

COM DEUS É A MESMA COISA!

Quando você senta para ler a bíblia e meditar, com certeza alguns trechos específicos vão te chamar a atenção. Quando isso acontece, você perceberá que, se meditar um pouco neles, vai começar a entender coisas que não entendia antes… e é ai que as coisas começam a acontecer!

3 – TUDO COMEÇA DE DENTRO PRA FORA

Este é um ponto importante para descobrir qual a vontade de Deus para sua vida: entender que a comunicação é de dentro para fora.

COMO TER INTIMIDADE COM DEUS!

Nós somos o Templo do Espírito Santo, certo? Somos a morada do Altíssimo, certo? Então, porque Ele teria que SAIR e falar conosco pelo lado de fora?

Durante a meditação da Palavra, como já disse, você verá que novas compreensões estão surgindo. Esses novos entendimentos começam a surgir, mas por alguma razão parece que elas já estão lá dentro, não é?

Pronto, você está começando a interpretar o que Deus fala através de você.

4 – DISCERNINDO AS VOZES

Mas, não pense que é tão fácil assim.

A vontade de Deus é sempre manter dialogo conosco. Ele deseja conversar, mostrar seus planos e, diferentemente do que muitos pensam, Ele não vai te obrigar a seguir determinado caminho.

Pense bem, segundo a bíblia a vontade de Deus é:

Boa,

Perfeita

e… agradável!

E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.

Romanos 12:2

Se ela é agradável, quer dizer que Deus não tem prazer no seu sofrimento. Se algo te destrói, como isso pode ser a vontade de Deus para você?

Mas, também não confunda com A SUA PRÓPRIA VONTADE.

Para saber se a “voz” que você tem sentido no seu interior é de Deus ou não basta ter uma coisa: comprometimento.

Ele nos prometeu que não seriamos confundidos. Então, é compromisso dEle não permitir que isso aconteça.

Mas, quando não estamos com o coração comprometido em ouvir ao Senhor, colocamos os nossos sentimentos acima dos Seus ensinamentos e, desta forma, ao ouvir o nosso próprio desejo, acabamos achando que Deus é quem estava falando.

Quando se está disposto a ouvir e interagir, as respostas de Deus se tornam claras e, principalmente, agradáveis, já que a vontade dEle é que tenhamos um bom futuro.

DICA BÔNUS!

Às vezes, você vai se confundir e vai ficar meio frustrado na tentativa de descobrir qual a vontade de Deus para sua vida. Mas, não desanime. O começo da caminhada é assim mesmo.

Deus deseja um relacionamento profundo conosco, e esse é o ponto essencial.

Foque primeiro em desenvolver esse relacionamento. Faça perguntas a Deus, busque entender o que Sua Palavra diz e cultive em você a vontade de adorar de todas as formas.

Com o tempo, você verá que em cada erro, cada porta fechada, cada tropeço, contribuíram para que você fosse ainda mais constrangido pelo seu amor.

Porque o amor de Cristo nos constrange, julgando nós assim: que, se um morreu por todos, logo todos morreram.

O canal Vai na Bíblia tem um vídeo falando sobre “Como Deus responde a nossa oração” que pode te ajudar bastante nessa questão. Para assistir, é só clicar aqui. 

Espero que este artigo tenha te ajudado. Aproveite para ler os demais textos do blog e deixar o seu comentário! 

 

Anúncios

COMO TER INTIMIDADE COM DEUS

Ser íntimo do Senhor nos faz viver em paz e em comunhão, vencendo qualquer batalha que se levantar contra nós.

Mais do que isso, é criar um relacionamento saudável e próximo com o Criador. é alimentar o Amor dEle em você e o seu por Ele.

Assim como um Pai e amigo, Deus deseja essa proximidade com você. Eu costume pensar que, essa intimidade me faz estar na “realidade de Deus”. O que é essa realidade? Pra mim, é viver sentindo e, de certa forma, vendo Ele 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Ultimamente, temos praticamente trancado Deus dentro do nosso quarto e só permitimos que ele saia à noite, na hora da oração. Mas viver na intimidade com Ele é muito mais do que meia hora de oração antes de dormir, é ter um dia em que Ele está envolvido, ou melhor, ter o dia envolvido nEle.

Imagine que você recebeu a visita de uma pessoa muito querida. Você gosta tanto dela que quer passar o dia todo conversando, leva – lá para conhecer os lugares que você mais gosta, não é? Então, ter intimidade com Deus é a mesma coisa.

Você quer ter intimidade com o Senhor? Então, aqui vão algumas dicas.

LEIA A BÍBLIA

É necessário conhecer sua Palavra para manter um relacionamento com Ele. Na Bíblia descobrimos quais as Suas Promessas e como Ele se comunica conosco. Se você deseja ser o “melhor amigo” de uma pessoa, vai se esforçar para conhecer os seus gostos, sua forma de agir, de falar e tudo mais, não é? Então, para ter intimidade com Deus é a mesma coisa. Sua Santa Palavra nos dá todas essas informações e é por meio dEla que passamos à ouvido com mais nítidez. Por meio da Alegria que vem ao coração, Ele se faz presente durante a leitura.

MEDITE NA PALAVRA

Não basta ler como se fosse um livro qualquer, é preciso meditar e compreender cada mensagem. Separe um tempo para refletir sobre cada Palavra e identificar como se encaixa em sua situação.

ORE

A oração é uma porta aberta direto para a Sala do Pai. Sempre ore com reverência e na intenção de receber mais da Presença do Senhor. Com louvor, adoração e sinceridade. Fale com Deus o que te incomoda e até mesmo, pergunte a Ele o que sua Palavra quer lhe dizer.

MANTENHA A ORAÇÃO

Às vezes, o habito de oração pode te cansar. Quando isso acontece, a tendência é desistir. Mas, lute contra isso. Ore, mesmo que não queira orar. Insista em orar e sentir a Presença de Deus para te fortalecer. Quando isso acontece, a oração deixa de ser um fardo para ser um prazer.

Não se esqueça que a sua indecisão fará com que a dúvida entre em seu coração. Não adianta pedir algo ao Senhor e depois mudar a oração e o pedido. Seja decidido e mesmo vendo o mar se levantar, mantenha sua determinação na oração.

ANALISE O SEU DIA A DIA

Como você percebe Deus? Por exemplo, no seu trabalho, você crê que Ele está lá? Se a resposta for sim, como você age diante disso? Ele participa das suas atividades ou você O deixa sentadinho em uma mesa esperando dar a hora de ir para casa?

Nós temos a tendência de excluir, mesmo que inconscientemente, Deus de nosso dia a dia e isso faz com que fiquemos afastados dEle.

Deus está em tudo e precisamos viver entendendo isso. Com isso em mente, você vai ver que até mesmo em um trem lotado, sentido guaianazes (quem é da ZL de SP entende bem isso) você pode sentir a Presença dEle.

Essas são algumas dicas rápidas e bem básicas para começar a sua jornada de intimidade com Deus.

Não é uma fórmula mágica! Mas, é uma forma de começar a se relacionar com o Senhor.
A medida que o tempo vai passando, você vai ver que as coisas começam a ficar mais claras e até mesmo mais prazerosas. A partir daí, o Caminho vai se abrindo e quando perceber, você e Deus serão melhores amigos 🙂

E ai, o que achou do artigo? Te ajudou? Então, deixe seu comentário e sua curtida!
Aproveite para ver os demais textos do blog!

Deus te abençoe e até mais!

Explicação sobre os Dons do Espírito Santo

A bíblia fala, em 1 Corintios 12. 8 – 11 sobre os DONS DO ESPÍRITO SANTO.

Eles são dados e usados pelo Santo Espírito, então é preciso ter em mente que o controle sobre eles é dEle.

Eu creio que todo Cristão pode ser usado nos DONS DO ESPÍRITO SANTO. Para isso, é necessário estar aberto ao desejo dEle de te usar, seja como for. Os Dons são acionados em momentos pontuais para propósitos específicos, por isso, o ideal é estar sempre à disposição do Senhor para ser usado em qualquer situação.

Quais mais intimidade você tem com Deus, mais usado nos Dons do Espírito você será? Para saber mais sobre Intimidade clique aqui!

QUAIS SÃO OS DONS DO ESPÍRITO SANTO? 

Em resumo, os DONS DO ESPÍRITO SANTO são: Palavra da sabedoria, palavra do conhecimento (ciência), fé, dons de curar, operação de maravilhas, profecia, variedade de línguas e interpretação de línguas.

Podemos dividir em 3 grupos:

1. Revelação: palavra da sabedoria, palavra do conhecimento e discernimento de espíritos.
2. Poder: fé, cura e maravilhas.
3. Inspiração: profecia, variedades de línguas e interpretação de línguas.

Vamos aprender de forma simples sobre cada um deles:

Palavra da sabedoria
Como definir? – É como uma revelação sobrenatural da mente e propósitos de Deus, comunicado por meio do Espírito Santo.
Referência: Atos 21.10-11.
Ágabo, que era sem dúvida renomado em suas predições, falava não só da privação que deveria haver, mas também da provisão divina para livramento, ele também revelou que Paulo seria preso à volta.

Palavra do conhecimento
Como definir? – Sabedoria e conhecimento podem ser confundidos, eles andam juntos, mas não são iguais.
Podemos dizer que a palavra do conhecimento é uma revelação sobrenatural da existência de uma pessoa ou duas ou conhecimento de um proposito especifico
Referência: Jo 4.9
Jesus, cheio do Espírito Santo, recebeu a revelação da história daquela mulher e usou essa revelação para levar a salvação à ela.
Isso pode acontecer também revelando, por exemplo, uma pessoa que precise da sua oração.


Como definir? – Dom do Espírito Santo que é concedido após a pessoa ser salva. Nesse caso a FÉ como dom não tem nada a ver com FÉ como fruto.
A Fé como fruto vem com amadurecimento em nossa caminhada com Deus e a FÉ como dom pode vir repentinamente.
Podemos dizer que o Dom da Fé é uma operação sobrenatural na experiência do possuidor, que o habilita a sustentar uma firme confiança em Deus para sua proteção particular e provisão de suas necessidades.

Dons de cura
Como definir? – São aquelas curas que Deus realiza por meio do seu Espírito e não pode de maneira nenhuma ser confundido com nenhuma habilidade medicinal.
Está no plural porque pode ser usado em diversas operações, assim como existem várias doenças, cada um dos dons tem um infalível poder sobre todas as doenças.
Neste caso, temos várias referência. Esse dom se manifesta através da IMPOSIÇÃO DE MÃOS (Mc 6.5), pela PALAVRA PROFERIDA (Mt 8.8), PANO ou TECIDO (At 19.11-12), pela SOMBRA( At 5.15-16), entre outras…

Operação de Maravilhas
Como definir? – É uma demonstração sobrenatural de Deus pela qual as leis da natureza são alteradas, suspensas e controladas. Além disso, curas quase inacreditáveis acontecem por meio deste DOM DO ESPÍRITO SANTO.
De certa forma, este Dom era mais usado no Antigo Testamento, pois era usado em sinal da presença de Jeová. Porém, isso não quer dizer que ele não operado no Novo Testamento e permanece em operação até hoje.
Um profeta que realizava tais feitos estabelecia sua Autoridade Divina diante do povo.
Referência:
À Moisés foi concedido este poder como credencial para ir diante de Faraó (Ex 2.1-10.
Também temos a abertura do Mar Vermelho e quando Elias pediu que caísse fogo do céu (II Rs 18.36a,37).

Profecia
Como definir? – É a forma mais simples de expressão inspirada. Grande parte das orações feitas nos Salmos de Davi são exemplos de profecia.
Ela carrega uma mensagem de Deus falando sobre algo que ainda há de acontecer. Vem para edificação do corpo de Cristo e como uma revelação da Onisciência de Deus.
Discernimento de espíritos
Como definir? – Esse dom nos dá uma visão do mundo espiritual, ele capacita a discernir a presença de uma força satânica, a presença de um anjo ou Seres Celestes.
Referência:
Atos 7.56
Apc 4.5
Jesus exerceu este dom Lc 10.18 e Jo 1.47b

Variedades de línguas
Como definir? – O proposito deste dom é, primeiramente, ajudar-nos a adorar a Deus, como vemos em I Co 14.2a.

Em segundo lugar, o dom edifica a própria pessoa.

Devemos entender que essa edificação não será intelectual mas espiritual, pois são línguas que fogem da nossa compreensão.

Referência:
Atos 2.
Interpretação de línguas

Como definir? – A interpretação de línguas é a habilidade de traduzir para uma língua conhecida o que está sendo falado em uma língua espiritual.

Ela normalmente carrega uma mensagem de Deus ao povo, para edificação do Cristão e da Igreja.

Conclusão

Os DONS DO ESPÍRITO nos capacitam para realizar a Obra do Senhor. Não os recebemos por mérito e sim pelo desejo do Próprio Espírito em nos usar por meio deles.

Esta foi uma rápida apresentação sobre cada Dom, porém eles são bem mais complexos do que parece e cabe muito mais tempo de discussão para melhor compreender.

Para quem deseja aprender mais, indico o vídeo da conferência realizada pelo Pastor Luciano Subirá. A Deise Heitor também tem uma série falando sobre isso que podem te ajudar. Vou deixar linkado aqui um vídeo sobre discernimento de espíritos.

Lembrando que escreve aqui a minha visão sobre os DONS DO ESPÍRITO SANTO, mas o melhor é que você entre em oração e leitura bíblica para entender e receber esses dons, amém?

O que achou do artigo? Te ajudou? Então, deixe o seu comentário e a sua curtida!
Aproveite para ler os devocionais, poemas e estudos sobre oração aqui no blog.
Te vejo na próxima! 🙂